O Sinsep encaminhou ofícios às Secretarias e Conselhos Municipais de Educação, apresentando os resultados da Pesquisa de Avaliação feita entre os servidores de Jaraguá do Sul e Região vinculados à área da Educação. A pesquisa procurou saber as opiniões dos profissionais do Magistério sobre as atividades educacionais não presenciais realizadas até aqui, em decorrência da pandemia do novo coronavírus.

Nos ofícios, o Sindicato solicita que sejam pensadas novas estratégias que possam superar ou mitigar os problemas apresentados até esse momento, como a sobrejornada de trabalho que a metodologia aplicada tem exigido dos profissionais em atividade e a predominância do impacto de emoções negativas que o trabalho remoto acarreta aos educadores.

Destacamos ainda problemas enfrentados pelas crianças e suas famílias que, “ao impactar negativamente o ensino em si, repercutem no trabalho dos profissionais do Magistério, entre eles: a falta de adultos com tempo ou conhecimento para auxiliar as crianças nos trabalhos exigidos, o grande atraso nas devolutivas e a falta de recursos para acompanhar as atividades, especialmente em muitas famílias com mais de um aluno na rede de ensino, que precisam dividir os poucos dispositivos tecnológicos disponibilizados”.

Veja aqui ofícios à Secretaria Municipal de Educação de Jaraguá do Sul.