Foi concluída a perícia judicial que avaliou os cargos que apresentam riscos de insalubridade  para os quais a Prefeitura não paga o respectivo adicional. Agora é preciso aguardar a sentença final da juíza. Segundo o Laudo Pericial foram considerados insalubres os seguintes cargos:

 

EM GRAU MÁXIMO DE INSALUBRIDADE:

Agente de Limpeza e Conservação que trabalham em Escolas, nos Centros de Educação Infantil, no Terminal Rodoviário, no Centro de Convivência, no Centro Vida, no Cemitério, no Prédio da Prefeitura e nas Unidades Básicas de Saúde;

Agente Operacional da Fábrica de tubos.

 

EM GRAU MÉDIO DE INSALUBRIDADE:

Recepcionista das Unidades Básicas de Saúde, do Centro Vida e do Pronto atendimento Médico Ambulatorial (PAMA’S I E II).

 

Aqueles servidores que exercem qualquer dos cargos acima e que pretendem ingressar no processo, devem comparecer no Sindicato para assinar a procuração e trazer os seguintes documentos, até o dia 01 de outubro:

  • RG e CPF
  • Comprovante de Residência
  • Folha de Pagamento

Para maiores esclarecimentos entrar em contato através dos telefones 3371-9264.