Escolha uma Página

Durante a Assembleia, no dia 17 de julho, categoria analisa a proposta de reposição das perdas salariais, feita pela administração Luiz Antônio Chiodini

Os servidores de Guaramirim se reúnem em Assembleia Geral às 18 horas do dia 17 de julho, na Câmara de Vereadores, para escolha das comissões responsáveis pelos estudos visando a revisão dos Planos de Cargos e Salários da categoria e de Carreira do Magistério. A Assembleia também vai avaliar a proposta feita pelo prefeito Luiz Antônio Chiodini para reposição das perdas salariais acumuladas na gestão do ex-prefeito Lauro Fröhlich, de 3,66%. A proposta parcela o pagamento em duas vezes: os servidores receberiam 2% de reajuste salarial em dezembro e outros 2% em março de 2018. Como condição, o Sindicato teria que retirar o Processo Coletivo movido pela assessoria jurídica do Sinsep que reivindica o pagamento da defasagem salarial. A decisão não é da direção do Sindicato, caberá aos servidores que estiverem na Assembleia do dia 17 decidirem se aceitam ou não a proposta.

Pin It on Pinterest